Sobre termos tempo pra cada um de nós – 3. obrigado por vir

20150614_101849Enquanto o Gabriel é meu maluquetêra, o Tomás é meu guerreirão. Eita rapaz forte! Tomás é bravo, porém sábio. Ele não se abala (ainda) com as disputas do irmão. Sabe exatamente como conseguir um colo, um chamego. Não se faz de rogado: se quer um carinho, pega minha mão e mostra como quer o cafuné.

Tomás e eu temos uma coisa de cheiro, de pele. E ai você começa a entender que realmente não se ama um mais que o outro, mas diferente. Eu dou umas cafungadas daqui, ele me lambe dali. E em nosso tempo junto rola a maior pegação.

sempre tem café da manhã na padoca
sempre tem café da manhã na padoca

Ele é o cara que topa qualquer parada. Desde que meu colo esteja a disposição, a vida tá maravilhosa em todo lugar. Aqui ele se aninha e o tempo parece que para.

Tivemos nosso primeiro tempo juntos quando caí no repouso forçado da gravidez. Desde então, tiramos muitas sonecas juntos. Tom deita ao meu lado e fica só me olhando. E eu paquero de volta. Nós adoramos uma preguiça na cama.

Nesse momento de re-união da família, tivemos nosso primeiro tempo exclusivo há pouco e choveu a beça. Como eu, Tomás é de casa. Aqui ficamos, brincamos, rolamos no chão, rimos, nos abraçamos, ficamos deitados olhando pro teto, pro outro e brincando com nossos pés. Tom é tranquilo demais – até sentir falta do irmão e sair pela casa “bieu, bieu, bieu” levando na mão algum brinquedo preferido do Gabriel. Dormimos. Muito.

Captura de Tela 2015-11-12 às 10.57.51
Tom é zueira e sorriso

Não é que qualquer coisa tá bom. Mas se o contato pele a pele estiver disponível, tudo fica possível. Sei que isso deve passar em breve, quando ele chegar ali onde o mais velho está hoje. Mas, com ele aos 1 ano e 7 meses, tenho sido mãe de primeira viagem de crianças nessa fase. E a intensidade dessa relação veio desde sempre e, sorte nossa, nunca se perdeu. Tomás me preenche de amor e força. Ele não me deixa desistir, nem me render. Se o Gabriel já era meu combustível, Tom o deixou aditivado-super-power.

Foi Tom quem me empoderou. E todo dia, junto com o beijo de boa noite, eu agradeço: Obrigada Tom, obrigada por vir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s